Todos conhecemos a Siri, a mais famosa assistente pessoal do mercado, mas esta está apenas inserida nos dispositivos da Apple. Não “vive” dentro de um dispositivo próprio como muitas outras marcas. A existência da Siri resume-se aos iPhones, iPads e mais recentemente Apple TV e Mac. Mas e se eu quiser mesmo um assistente pessoal para casa? Qual devo escolher?

Aquilo que víamos como pura ficção cientifica é agora uma realidade que facilmente está ao alcance de todos. A oferta começa a aumentar e por vezes ou desconhecemos o que temos no mercado ou a escolha é difícil. Mas vamos lá a ver algumas opções que temos no mercado actualmente.

Ivee

ivee-assistente-pessoal-o-futuro-e-mac-pedro-topete-apple-blog

Este é o verdadeiro conceito de uma casa inteligente, o Ivee pode controlar através dos nossos comandos de voz diversos dispositivos inteligentes da nossa casa.

Como qualquer assistente pessoal que se preze é controlado por voz, e também pode ser controlado remotamente pelo nosso smartphone. Alguns dos acessórios mais famosos de automação são compatíveis com o Ivee e falamos do Nest, WeMo, Iris, Wink, Hue, SmartThings e até a Logitech.

Naturalmente que com o controlo de voz e a compatibilidade entre algumas aplicações o Ivee nos deixa controlar, por exemplo o Spotify. Em qualquer canto da casa podemos pedir para ouvir a música mais tocada em Portugal no ano de 2016 ou até os hits de 1984.

Quando digo que o Ivee nos pode ouvir em toda a casa não é bem assim, na realidade este dispositivo consegue ouvir a nossa voz até 4,5 metros de distância. Apenas com o nosso smartphone conseguimos controlar o Ivee a qualquer distância, até mesmo fora de casa.

Podem pensar para que serve controlar o Ivee fora de casa, mas imaginem que por uma questão de segurança querem acender as luzes de casa remotamente. É possível, imaginem que querem ligar o aquecimento antes de chegar a casa, também é possível.

Cubic

cubic-assistente-pessoal-pedro-topete-apple-blog-o-futuro-e-mac

Cubic Robotics é a empresa que se encontra por trás do “Cubic“.

Apesar do seu aspeto não ser nada revolucionário, é uma obra de arte em termos de tecnologia e inteligência artificial.

Por exemplo, podemos questionar o Cubic a que horas começa a série do Mr. Robot na televisão e depois de termos essa informação podemos pedir que nos avise uns minutos antes para podemos ver. Podemos pedir para nos relembrar os dias da semana a que dá o Game Of Thrones.

Como qualquer assistente pessoal que se preze, pode controlar todos os nosso dispositivos inteligentes da nossa casa. Para além do óbvio, que é controlar por voz, também o pode fazer com o smartphone.

O Cubic vai “cuscar” a vossa vida e vai ver como anda a vossa saúde recorrendo à leitura de todos os dados que consegue recolher através das aplicações de fitness. Depois de conhecer os vossos hábitos, o Cubic vai mandar uns incentivos logo pela manhã. Podem ouvir coisas do género: Hoje está um bom dia para ires correr, visto que não fazes exercício há uma semana.

Mas da mesma forma que o Cubic vos provoca também vos ajuda e é essa a principal ideia. Vamos acordar de manhã e vai informar que talvez seja melhor levarmos um guarda chuva pois mais logo vai chover.

Athom Homey

athom-homey-assistnte-pessoal-pedro-topete-apple-blog-o-futuro-e-mac

Visualmente perfeito, magnifico e hipnotizante. Este dispositivo com o seu ar minimalista transmite um aspeto futurista ao espaço onde se encontra.

Uma das vantagens que o Homey possui em relação à concorrência é que facilmente se emparelha com qualquer dispositivo móvel graças ao NFC incorporado. Não é daquelas funcionalidades que se vejam nestes dispositivos.

Internamente este dispositivo está equipado com uma antena que permite a comunicação em 7 frequências de rádio diferentes.

Este é daqueles dispositivos pelos quais nos apaixonamos mal olhamos para ele a funcionar. Ganha pontos com a sua voz natural, mais humana e percetível o que acaba por se tornar agradável para quem está a interagir com ele.

Mais uma vez como todos os outros anteriormente mencionados é possível controlar o Homey remotamente com uma aplicação instalada previamente no nosso smartphone.

Tal como nos outros assistentes pessoais, podemos controlar toda a nossa casa sem lá estarmos, controlar toda a iluminação caso tenhamos saído de casa e por lapso tenha ficado alguma luz acesa.

COMENTÁRIO

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *